04 dicas para quem nunca trabalhou e quer começar em 2020

O mundo tem uma nova categoria de pessoas, as que optam por ficar mais tempo na casa dos pais. Muitas vezes são pessoas que não precisam de um emprego por terem respaldo em casa e podem se dedicar aos estudos, fazer um mochilão ou qualquer outra coisa que não envolve trabalhar formalmente. Não estamos falando das que trabalham no chamado home office e nem freelas, mas daquelas que, por opção, decidiram não trabalhar e precisam pegar no batente agora.   

Confira algumas dicas para quem busca o primeiro trabalho formal

1 – Empregos temporários
Procure vagas de empregos temporários, que duram três meses em média. As chances de firmar-se e conseguir a efetivação são boas e servem para quem quer trabalhar e ainda não possui experiência na carteira de trabalho.  São trabalhos sazonais, geralmente como vendedores, atendentes, telemarketing e em fábricas de pequeno porte que trabalham com o sistema de produção. Fique atento, pois muitas destas vagas aparecem perto de datas comemorativas, como natal e dia das mães. 

2 – Estágio
O estágio é uma opção interessante, pode ser remunerado, ou não – mas geram oportunidades para conseguir experiência, conhecer mais pessoas e abrir a mente para as diferenças entre a teoria e a prática.

3 – Trabalho voluntário
Os trabalhos voluntários estão disponíveis através de ONG’s e organizações sem fins lucrativos espalhadas pelo país, com certeza terá alguma em sua região, e também oportunidades de trabalho voluntário em outros países. Alguns até podem render algum ganho (bem baixo, é verdade), mas dá um upgrade do currículo agregando experiência para sua base teórica.

 

4 – Mostrar o que aprendeu
Para quem teve a oportunidade de estudar fora, fazer estágio ou mesmo um mochilão, a experiência com línguas é um diferencial. Deixe isso bem claro no seu currículo, explicando onde aprendeu a falar determinado idioma. Para quem ainda não possui nada no currículo, esta experiência pode abrir portas e mostra que você tem prática e não só os estudos em escolas e cursos.

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram