Conheça as 5 frases proibidas nas entrevistas de emprego

Você tem uma entrevista de emprego marcada e, a essa altura do campeonato, já sabe exatamente o que deve vestir, como agir, o que pode falar… No entanto, você já parou para pensar que, da mesma forma que existem frases e palavras que podem colaborar com o seu sucesso, também há algumas que corroboram o seu fracasso? Se isso nunca passou pela sua cabeça, talvez seja hora de você repensar, e a melhor forma de fazer isso é lendo, a seguir, as 5 frases que você nunca deve dizer numa entrevista de emprego:

 

1 – “Eu não entendo meu chefe!”

 

Você atualmente está trabalhando, no entanto, procura por uma oportunidade melhor e por isso está fazendo entrevistas de emprego? Neste caso, atenção: nunca diga que você não entende o seu chefe atual. Talvez você realmente não goste dele e ache que falando isso demonstrará o quanto deseja sair do seu cargo atual, mas, na verdade, isso só fará com que o entrevistador pense que você costuma falar mal dos seus empregos e chefes e que, futuramente, poderá fazer o mesmo com ele a sua empresa. 

 

2 – “Qual é o salário?”

 

O intuito de uma entrevista de emprego não é, num primeiro momento, o de a companhia mostrar o que ela tem a oferecer – mesmo porque o recrutador partirá do pressuposto de que se você se candidatou à vaga é porque acha que se encaixa, ao menos minimamente, nos padrões da empresa. O objetivo dessa primeira conversa será o de você mostrar o que tem a oferecer e por que merece a vaga, logo, a pergunta sobre o salário não tem vez nesse momento. Mais tarde com certeza surgirá a oportunidade de questionar salários e benefícios sem prejudicar a imagem que o gestor tem de você. 

 

3 – “Eu não conheço muito bem essa empresa…”

 

O mínimo que o entrevistador espera é que você saiba onde pretende trabalhar. Ou seja: ele espera que você tenha se preparado antes da entrevista, tomando conhecimento da empresa, do seu objetivo, um pouco de sua história, etc. Quando você diz que não conhece bem o lugar… Bom, digamos que suas chances de conseguir a vaga caem para quase 0%. 

 

4 – “Eu posso trabalhar de casa?”

 

É claro que existem trabalhos que podem ser feitos em casa, mas fazer essa pergunta numa entrevista está fora de cogitação, especialmente porque você passará a impressão de que está mais preocupado consigo do que com as necessidades da empresa – e, por que não dizer, você parecerá preguiçoso aos olhos do recrutador. 

 

5 – “Eu não sei qual seria o salário ideal para mim…”

 

Talvez você já esteja procurando um emprego há bastante tempo e esteja desesperado por uma vaga, no entanto, não diga que você não sabe qual seria o salário ideal para você. Dessa forma você dirá, indiretamente, que não sabe qual é o seu valor e que, portanto, aceita qualquer coisa. Diga ao menos um valor condizente com a média do mercado. Se a empresa realmente estiver interessada em você, o recrutador não te eliminará do processo por você pedir um salário maior do ele esperava, mas sim tentará renegociar o valor.

 

Fonte: Universia Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram