Contratações de temporários internos por tempo determinado estão aquecidas

Aos poucos o mercado de trabalho está retomando o seu ritmo normal e uma modalidade que está em alta é a contratação de temporários internos por tempo determinado. Desde agosto deste ano há um aumento desta demanda principalmente nas contratações para projetos internos.

A contratação por prazo determinado pode acontecer quando a empresa precisa ter uma mão de obra para um projeto específico e ela não está apta para contratar trabalhadores temporários externos por vários motivos – dentre eles a legislação.

Diferente da contratação de temporários externos que podem durar até seis meses prorrogáveis em alguns casos dependendo do motivo justificador (como em uma gravidez), os contratos por tempo determinados podem ter prazos mais flexíveis.

Jackeline Johnson de Oliveira, Coordenadora Administrativo Financeiro da NOSSA Gestão de Pessoas e Serviços, explicou que recentemente aconteceu este procedimento com uma grande montadora em Curitiba resultando na contratação de 300 funcionários internos, via CLT mas por prazo determinado:

“Muitas empresas não podem fazer este contrato diretamente por ela mesma. Nestes casos ela pode realizar contratos por tempo determinado via CLT. O volume destas vagas estão aumentando, pois as empresas estão realizando seus projetos internos, fazem o processo que precisa ser feito e depois deste tempo ou demitem ou efetivam as vagas. Atualmente estamos desenvolvendo um grande trabalho que engloba contratos de dois anos. Apesar deste período mais longo, é também um projeto por tempo determinado.” exemplifica Jackeline.

E o volume destas vagas está aumentando pois as empresas criam suas demandas, fazem o processo que precisa ser feito para contratação e depois deste tempo ou demitem ou efetivam os trabalhadores destas vagas.

Busca por temporários externos segue forte

Além desta questão das contratações por tempo determinado, as buscas pelos trabalhos temporários externos para final de ano continuam aquecidas. As empresas estão contratando tanto para esta demanda de final de ano e até mesmo para algum projeto para datas como Páscoa ou mesmo o dia das mães, por exemplo: “Alguns setores da indústria já se antecipam e começam a produção agora.” explica Jackeline.

Setores que estão em alta para o final de ano
– Logística
– Automobilístico
– Metalúrgico
– Montagem de equipamentos agrícolas
– Prestação de serviços

Fonte: Alerta Rondônia

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram