Cinco erros que as pessoas cometem nos primeiros 90 dias de trabalho

Carteira assinada, novos desafios e uma oportunidade de crescer profissionalmente. É realmente emocionante começar um novo emprego, mas também existe alguma ansiedade e medo. Será que o colaborador vai gostar do seu chefe e colegas de trabalho? O trabalho será bom mesmo? O desempenho das funções, será satisfatório?

Essas perguntas, e muitas outras, vão surgindo conforme vai chegando o dia de começar a trabalhar –  e existem boas razões para sentir a ansiedade, o importante é manter a calma para não cometer os cinco erros mais comuns nos primeiros 90 dias em um novo emprego:

– Agir como se soubesse de tudo
– Não fazer perguntas e esclarecer dúvidas
– Tentar impor suas ideias antes de aprender o trabalho
– Assumir muito trabalho logo no começo e
– Ignorar a cultura corporativa

Além de evitar cometer esses erros nos primeiros 90 dias de trabalho, o que mais pode ser feito para causar uma boa impressão com o chefe e colegas de trabalho?

Estar aberto para receber dicas e comentários, ser positivo quando aprende novas habilidades, escutar e fazer perguntas pertinentes e, o mais importante, tentar aprender o máximo possível sobre o novo emprego, empresa e setor.

Em geral, os contratos têm 90 dias de experiência, então, o importante é tentar causar a boa impressão o mais rápido possível, em no máximo duas semanas. De acordo com um estudo do LinkedIn, 63% dos gerentes optam sobre um novo funcionário nas primeiras duas semanas e 15% o fazem imediatamente. Portanto, garantir que a primeira impressão seja positiva deve ser uma prioridade para garantir tranquilidade nos próximos meses.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram
Checking...